Museu da Imaginação – São Paulo

O Museu da Imaginação é um espaço lúdico e está localizado no Bairro da Lapa em São Paulo, ele foi inaugurado em janeiro de 2017. Visitamos o Museu em março de 2017.

A rua em que o Museu está localizado é larga e fácil para estacionar, mas o Museu possui convênio com estacionamento próximo e custa R$ 20,00 o período.

São dois mil metros quadrados, divididos em três ambientes totalmente dedicados ao livre brincar, que proporcionam diversas experiências sensoriais. As questões, hipóteses e significados são construídos pelas crianças, inclusive portadoras de necessidades especiais, sem condução de adultos e com total autonomia no espaço. O museu oferece monitores treinados para serem facilitadores das brincadeiras, sem intervirem no processo criativo e imaginativo das crianças.

Ingressos:
R$ 80,00 crianças maiores de 3 anos
R$ 50,00 adulto acompanhados de crianças, valor promocional de inauguração
R$ 160,00 adulto sem crianças

Clique aqui para verificar os preços atualizados.

Há uma lanchonete no local, mas dentro dos espaços não é permitido entrar comendo.

As visitas tem horário para começar, a primeira turma entra às 10 horas e a segunda às 14:00 horas. Nós visitamos no período da tarde.

Às 14:00 horas em ponto nos deram algumas explicações e fomos até a primeira sala, chamada de Sala das Esferas.

A exposição apresenta uma releitura da obra de Pablo Picasso feita por quatro artistas brasileiros. Paulo Mercadante desconstrói fotografias, como Picasso fazia com as imagens de seu cubismo. Ninetta Rabner usa a pintura para mostrar seu estudo das obras do artista espanhol e Adriana Rizkallah preenche o espaço da sala com enormes bolas coloridas de papel machê. Nas paredes, a luz e a leveza das cerâmicas de Norma Grinberg.

Todo o espaço pode ser explorado pelas crianças e os monitores distribuem alguns cartões com sugestões de atividades para explorarmos a sala.

Podemos ficar quanto tempo quisermos nessa sala e depois cada família desce até a sala seguinte que é a exposição Ora Bolas!

Uma instalação cinética de Guto Lacaz fica em exposição permanente no hall de entrada do Museu da Imaginação, são vinte bolas grandes presas no teto que sobem e descem sem parar, há também um local em que podemos ver a mecânica da instalação, onde podemos manipular o mecanismo que faz a bola girar.

Dessa sala, em que ficamos exatos 2 minutos, passamos por vários “espaguetes” de piscina e vamos para um espaço de brincar. O espaço é muito bonito e é possível deixar as crianças brincando sozinhas, pois há monitores.

Nos cones laranja você deve reconhecer os animais através dos olhos deles, essa sala linda da foto maior tem um projetor no teto que fala sobre a passagem das estações, embaixo da casinha de madeira as crianças brincam de subir nos “espaguetes”, na Ponte Maluca, foto abaixo onde há um telão e as bicicletas a brincadeira é em equipe, quando você pedala parte da ponte sobe e ao frear a parte da ponte desce, há inclusive uma bicicleta adaptada para portadores de necessidades especiais, o tabuleiro redondo azul é um jogo de equilíbrio, onde as crianças vão colocando as peças e a regra é não deixá-las cair, na última foto há um balanço adaptado para cadeirantes.

Na primeira foto há um jardim cenográfico com pedras, fogueira e almofadas. Abaixo um brinquedo em que você deve girar um moinho com água para ver as luzes se acendendo, quem conseguir completar 15 litros de água primeiro ganha e vê o painel de luzes todo aceso, na outra foto são redes flexíveis com bolas penduradas, onde adultos e crianças podem escalar. Abaixo as estações de desenho.

Nesse espaço de brincar ainda é possível brincar de forca na parede, fazer corrida de saco e ainda tocar alguns instrumentos musicais e cantar. As crianças colocam um fone de ouvido, então o ambiente é sem som.

Nós gostamos do Museu, as crianças de 3 à 7 anos aproveitam bem essa área do brincar e um pouco da primeira sala, porém achei  um pouco caro.